Mais de 1 milhão de malwares foram detectados no Brasil em 2019

Segundo o estudo os resultados do seu relatório mensal Fast Facts, que aponta as principais ameaças cibernéticas que ocorreram no Brasil durante o último mês de agosto.

Segundo os dados, apenas no Brasil, foram detectados mais de 1 milhão de malwares, colocando o país entre aqueles com os maiores registros de ameaças no mundo. Japão e EUA lideram esse ranking, com mais de 6 milhões de detecções em cada país.

Outro destaque, de acordo com o Fast Facts, vai para os malwares do setor bancário, em que o Brasil aparece no top 15 dentre os países com mais detecções de malwares envolvendo bancos, sempre voltado ao roubo de credenciais, senhas, número de cartões etc. A China é o principal alvo dos atacantes, segundo os dados.

Para Aloisio Marinho, especialista de Segurança da Informação, o Brasil estar entre os países mais visados pelos atacantes não é novidade, uma vez que vive um momento de ascensão tecnológica, expandindo também o universo de atuação para os cibercriminosos. “Ao passo que as novas tecnologias chegam às empresas e aos consumidores, os atacantes procuram novos métodos de ataque, sempre visando o lucro, com táticas que vão desde o uso da simples engenharia social, até tecnologias mais atuais, como inteligência artificial. Esse é um sinal de alerta de que, assim como ocorre com os cibercriminosos, a inovação dentro da cibersegurança deve ser constante, tanto para empresas como para o usuário final”, conclui Aloisio.

Matéria completa “tiinside”.

Quer evitar entrar também para as estatísticas? Tenha já o pacote completo de segurança que a Konfido pode lhe oferecer, preencha o formulário abaixo que entraremos em contato o mais breve possível: